Notícias

Atleta da Univates representa região no mundial de ginástica

Depois de nove anos de espera, a atleta de ginástica da Univates Isadora Uhry conquistou um dos principais feitos na vida de um atleta: uma vaga para o campeonato mundial da modalidade, que ocorre em Sófia, na Bulgária. A classificação foi garantida durante o último Campeonato Brasileiro de Ginástica de Trampolim por Idades, realizado entre os dias 12 e 16 de julho na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais.

 

Segundo o treinador, Marcos Minoru, essa classificação tem um gosto ainda mais especial, pois é a primeira ginasta “criada” na Univates a conseguir esse feito. “Não é uma vitória só dela ou do Minoru, é de toda a Univates, que acreditou e deu total apoio para que o esporte ganhasse visibilidade na região”, explica o treinador.

 

A jovem atleta iniciou na modalidade em 2008, com apenas oito anos de idade, e agora, ao 17, garantiu a classificação na categoria adulta, para ginastas de até 21 anos. “É o primeiro ano dela nessa categoria. Isso significa que ela ainda tem quatro anos para melhorar sua performance. A expectativa é muito grande”, garante Minoru.

 

Para Isadora, a classificação foi uma surpresa. “Como eu errei a série final durante o brasileiro, desci do trampolim com o pensamento de que não conseguiria. Mas como a avaliação é feita ao longo de todo o campeonato e consegui um desempenho positivo, isso foi possível”, lembra.

Isadora Uhry é de Lajeado, e seus amigos e familiares estão organizando uma campanha para arrecadar fundos para cobrir as despesas da sua participação no campeonato mundial.

Para ajudar, acesse: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/campeonato-mundial-de-ginastica-de-trampolim?utm_campaign=facebook

Um grupo preparado

Além de Isadora, a Univates esteve representada por outros sete atletas. Ao final da competição, todos os ginastas lajeadenses conseguiram chegar às finais de suas categorias. “Conseguimos ir bem preparados, com um bom nível de competição. Mais de um mês antes do evento os atletas já estavam com as séries finalizadas, algo que nunca tinha acontecido”, lembra o treinador.

 

Ao todo, o evento reuniu cerca de 150 ginastas oriundos de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Espírito Santo e Rio Grande do Sul. A competição, que abriu o calendário da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) em 2017, teve provas nas modalidades trampolim, trampolim sincronizado, duplo minitrampolim e tumbling (individual e por equipes).

 

Sul-americano

Com os resultados obtidos no Campeonato Brasileiro de Ginástica de Trampolim por Idades, os atletas da Univates Isadora Uhry, Amanda Henckes, Igor Ouriques e Gustavo Laureano também se credenciaram as vagas para o sul-americano da modalidade.

 

Fonte e fotos: Artur Dullius/AI Univates.

Voltar

Baixe nosso app

App Store Android Market